A #Pesquisa365, que também aposta que a eleição suplementar ao Governo do Amazonas vai ser decidida em segundo turno, encontrou o eleitor com elevado índice de desinteresse ou desinformação do pleito que acontece em agosto. A pesquisa DMP/Tiradentes viu igual situação.

De 3 mil entrevistados entre os dias 19 e 23, a maioria em Manaus, 46,5% disseram ter pouco ou nenhum interesse na eleição do governador tampão, prevista para o dia 6 de agosto.

No primeiro estudo com registro no TSE (07524/2017), a #Pesquisa365 apresentou ao eleitor os nomes de oito candidatos que registraram chapas no Tribunal Regional Eleitoral (TRE-AM) até o dia 19.

Eduardo Braga (PMDB), Amazonino Mendes (PDT) e Rebecca Garcia (PP) aparecem com os preferidos na intenção de voto do eleitor, tanto na modalidade espontânea quanto na estimulada.

E se a decisão em segundo turno fosse hoje, Braga ganharia a eleição por 4,2% de vantagem para Amazonino, admitida aí a margem de erro da pesquisa de 2%.

A #Pesquisa365 apurou que Amazonino vem diminuindo essa diferença a cada estudo realizado pela empresa. Há pouco mais de um mês, era de 16,6%. Quinze dias depois caiu para 4,9%.

O presente estudo não levou em conta a possibilidade de Rebecca chegar à disputa final da eleição, embora tenha detectado uma evolução de 5,5% na intenção de voto em 40 dias.

 

O fator Marcelo Ramos

Na primeira pesquisa da #Pesquisa365, Braga ainda não tinha definido Marcelo Ramos (PR) como seu vice. Nessa época, há 40 dias, tinha 24,9% da preferência do eleitor.

Agora, apresentado seu nome junto com o de Marcelo, cresceu 1,2%.

A avaliação do empresário Durango Duarte é que a contribuição de Marcelo para a chapa de Braga foi mínima: “… o efeito esperado de um altíssimo crescimento não ocorreu”.

Ele considerou a aliança como “efeito teflon”, ou seja, aquela que não dá liga. E recorreu a fato eleitoral parecido, de 2010, quando a união de Alfredo Nascimento (PR) e Serafim Corrêa (PSB) para derrotar Omar Aziz (PSD) teve efeito contrário. A dupla acabou derrotada mesmo tendo melhor resultado nas pesquisas.

Durango avalia que, após o anúncio da chapa, os votos de Marcelo migraram para as demais candidaturas.

Confira no site da #Pesquisa365 todas as demais avaliações desse terceiro estudo.

 

Foto: Reprodução/#Pesquisa365