A população de Manaus, no sétimo dia de greve de motoristas e cobradores, resolveu reagir. A frota de ônibus até deixou as garagens, mas foram abandonados nos terminais, deixando passageiros sem ter como seguir destino.

No T4/Jorge Teixeira, a população se revoltou e depredou vários ônibus e os gradis do terminal, que foram usados também para interditar a avenida Camapuã, que passa ao lado.

Populares tentaram incendiar um ônibus, e o fogo não se alastrou graças à atuação de um policial militar.

Segundo o programa “Manhã de Notícias”, da TV A Crítica, o clima no T4 era o mesmo registrado nos terminais da Cidade Nova/T3 (zona norte) e São José/T5 (zona leste).

 

Depredar

 

Fotos: Reprodução/TV