O pleno do Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas (TRE-AM) anulou nesta tarde de sexta-feira, dia 4, a eleição do candidato Wilton Pereira dos Santos (PSDB) no município de Novo Airão.

Ele obteve 28,6% da votação, ou 2.458 votos, contra 1.951 do segundo colocado, Frederico Júnior (Pros).

A decisão atendeu ao pedido do Ministério Público Eleitoral (MPE) em recurso que requereu o indeferimento de candidatura e a inelegibilidade de Wilton Santos por oito anos.

O candidato já tinha sido condenado cinco vezes pelos tribunais de Contas da União (TCU) e do Amazonas (TCE-AM) por improbidade administrativa na aplicação de recursos de convênios federais que, juntos, somam mais de R$ 3 milhões.

As irregularidades foram cometidas durante dois mandatos de Wilton Santos em Novo Airão (1997 a 2000 e 2005 a 2008).

O MPE recorreu depois que o juiz eleitoral da 34ª Zona Eleitoral/Novo Airão considerou Wilton em condições de disputar o pleito, deferindo seu registro de candidatura.

Seguindo voto do juiz Henrique Veiga, o plenário decidiu por unanimidade cassar o registro de candidatura do prefeito eleito.

Assista ao vídeo da sessão:

 

Foto: Reprodução/TRE-AM