O deputado federal Arthur Maia (PPS-BA), relator da Reforma da Previdência na Câmara, disse, nesta segunda-feira (12), acreditar que o próximo governo terá capital político suficiente para aprovar a reforma, mas previu que ela será mais profunda do que a que está em discussão. Maia participou do seminário Reforma da Previdência: uma reflexão necessária, na Fundação Getúlio Vargas, no Rio de Janeiro. Na opinião do parlamentar, o próximo governo terá condições políticas de fazer uma reforma mais dura e aprovará um projeto diferente do que consta no parecer em discussão na Câmara dos Deputados, assinado por ele. “Certamente, se fará outra reforma”.

Fonte: Agência Brasil

 

Foto: Fotos públicas