O distanciamento que o secretário de  Estado de Saúde e homem de  confiança do governador Amaznino Mendes, Francisco Deodato, tem demonstrado nos últimos dias da sede física da Susam estimula variadas informações enviadas à coluna a respeito do seu futuro próximo.

Reeleição

Funcionários da pasta dizem que ele se distanciou esses  dias para cuidar de problemas pessoais. Servidores do segundo escalão que circulam no Palácio do Governo dizem que ele se afastará em breve para cuidar da campanha de  Amazonino à reeleição.

Sub cresce

O fato é que  o subsecretário Orestes Guimaraes tem sido figura constante nas ações de  comando da Susam nos  últimos dias.

Não confirma

Procurada  para esclarecer o assunto, a Secretaria de Estado de Comunicação (Secom) não confirmou nenhum das duas  versões.