No debate dos candidatos ao Governo do Amazonas realizado pela TV Em Tempo na noite desta terça, dia 11, sem a presença do governador Amazonino Mendes (PDT), que concorre à reeleição, o candidato do PSC, Wilson Lima, foi sabatinado no primeiro bloco sobre emprego e renda, economia, interior, segurança e outros temas presentes nas eleições deste ano.

Lima foi abordado pelo candidato Omar Aziz (PSD) sobre sua experiência como administrador, e em resposta falou de emprego e renda. Na réplica, Omar reagiu ao oponente dizendo que o momento “não é de fazer de conta”, mas de colocar no governo quem tem experiência, quem já administrou.

A candidata Lúcia Antony, do PCdoB, perguntou sobre os planos para manutenção dos programas sociais criados no governo petista, como o Bolsa-Família. Lima disse que vai procurar o governo federal para ampliar o programa Luz para todos.

Tomando o distrito de Novo Remanso, em Itacoatiara, como exemplo de produção agrícola, Lima disse que vai criar políticas para o pequeno produtor “exportar para o Brasil e o mundo”.

O candidato do PSol, Berg da UGT, quis saber se o fato de ser apresentador de programa de TV de caráter policialesco dava a Wilson Lima qualificação para administrar o estado.

 

Os planos de segurança pública

Como resposta, Lima repetiu o que vem dizendo em outros programas, que vai aumentar o efetivo das polícias, e apostar em tecnologia e inteligência contra o roubo e furto de veículos.

Sua resposta para a questão mais presente nesta eleição, a segurança pública, Lima disse que, se eleito, vai “fechar Manaus” com câmeras de vigilância para coibir roubo de carro.

 

Leia mais

Amazonino vai ao seu primeiro debate nesta eleição

 

Foto: BNC Amazonas