Diante do genocídio Yanomami, o mercado se calou

"O tal mercado é assim mesmo. Não se comove, não chora, não se importa com a vida de ninguém, apenas com os seus próprios interesses."

O conteúdo deste artigo é de inteira responsabilidade de seu autor. Não necessariamente reflete a opinião do BNC Amazonas

Participe da nossa comunidade no WhatsApp e seja o primeiro a receber as notícias do BNC Amazonas!

Participar
Encontrou algum erro? Entre em contato
VEJA MAIS