Uma denúncia levou policiais militares a apreender na zona rural do município de Maraã, na tarde desta quinta, dia 7, cerca de uma tonelada e meia de maconha tipo skank, ou supermaconha, como chamam seus usuários, e cartuchos de fuzil 7.62 mm, que era para uso exclusivo do Exército Brasileiro e das demais forças federais.

A droga, embalada e pronta para distribuição, estava escondida em um furo (passagem aberta na terra entre duas porções de rio) do rio Japurá, a 30 minutos de voadeira (lancha rápida regional) da sede de Maraã, disseram os policiais.

Segundo eles, o denunciante disse que os traficantes estavam nesse local armados com fuzis 7,62, mas só munição (a polícia não divulgou quanto) foi achada no local.

A Secretaria de Segurança Pública (SSP-AM) divulga que apreendeu neste ano mais de 13 toneladas de drogas e acredita ter dado um prejuízo de R$ 30 milhões aos traficantes.

 

Leia mais

Falida, Prefeitura de Maraã tem a luz cortada pela Eletrobrás

Foto: Divulgação/Secom