Espelho do Portal da Transparência que começou a circular nesta sexta-feira, dia 4, mostra que Amazonino Mendes (PDT) recebeu exatos R$ 545.748,93 em seu último salário como governador do Estado.

O BNC ouviu auxiliares do ex-governador que explicaram que a alta cifra recebida foi a soma do salário de dezembro mais o valor de uma indenização.

 

Leia mais 

Salário do governador pode sair de R$ 15 mil e chegar a R$ 28 mil

Deputados reajustam próprio salário e valor pode chegar a R$ 29,5 mil

 

Segundo eles, antes de ser governador, Amazonino pediu uma revisão dos vencimentos que estava recebendo a menor nos últimos cinco anos.

O processo foi encaminhado para a Procuradoria Geral do Estado (PGE) que deu parecer favorável ao pagamento da diferença retroativa.

Amazonino abriu mão dos juros e correção monetária e recebeu no  1º de janeiro de 2019, dia em que deixou o comando do governo, a cifra de R$ 545.748,93.

O Portal da Transparência está disponível para o acesso de qualquer cidadão.

 

Nota de esclarecimento da assessoria do ex-governador Amazonino Mendes enviada ao BNC às 17h36: