Por homicídio e tentativas, delegado Sotero pega 30 anos de prisão

O júri popular do Tribunal do Júri do Amazonas condenou no início da noite desta sexta, dia 28, o delegado da Polícia Civil Gustavo Sotero pelo assassinato do advogado Wilson Justo Filho e ferimento a tiros de outras três pessoas, inclusive a esposa da vítima fatal, crimes cometidos há dois anos. A ordem é recolher […]

 

Por homicídio e tentativas, delegado Sotero pega 30 anos de prisão

Assine para receber em primeira mão

Encontrou algum erro? Entre em contato
TAGS
VEJA MAIS