O Pastor Everaldo, presidente nacional do PSC, partido do futuro governador do Amazonas, Wilson Lima, passou a quarta-feira, dia 7, em Brasília, tentando emplacar a volta de Oreni Braga para o comando da Amazonastur.

O líder religioso e partidário vendeu a Wilson que Oreni foi a pessoa mais importante para turismo do Amazonas nas últimas décadas.

Wilson só ouviu.

 

Lobby

Oreni não estava só atrás do emprego. Ela estava em Brasília acompanhada do deputado estadual Francisco Souza, que já foi do PSC, mas trocou de partido este ano para disputar, pelo Pode, o cargo de deputado federal pela coligação que apoiou David Almeida (PSB), adversário de Wilson, ao governo do Amazonas.

Oreni também fez campanha contra Wilson. Ela disputou as eleições deste ano a deputada estadual pelo Pode, também na coligação pró–David Almeida.

 

Currículo

Oreni Braga foi presidente da Amazonastur por cerca de 15 anos. Serviu aos governos Eduardo Braga (MDB), Omar Aziz (PSD) e José Melo (Pros) e foi exonerada no ano passado por Amazonino Mendes (PDT).

 

Foto: Nonato Duarte