O deputado Platiny Soares (PSB), que não se reelegeu este ano, pode aparecer na equipe de governo do presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL). É o que cogitam aliados do futuro presidente no Amazonas e parlamentares estaduais. Após ser eleito presidente, Bolsonaro ligou para Platiny, dizendo que “não havia esquecido dele”.

De lá pra cá, Platiny já manteve outros contatos em Brasília com Bolsonaro.

 

Aliado número 1

No Amazonas, a onda Bolsonaro foi puxada por Platiny em 2015, quando ninguém conhecia o futuro presidente. Ele indicou o direitista para receber a Medalha do Mérito Legislativo, sob fortes protestos. Trouxe Bolsonaro ao Amazonas em dezembro ano passado, mas levou uma pernada quando estava prestes a assumir a direção regional do PSL.

 

O nosso Jair era o cara

Um fato curioso marcou a homenagem que Bolsonaro recebeu naquele ano em Manaus. Parlamentares amazonenses eram contra a honraria e se manifestaram em plenário, mas o que mais chamou a atenção naquele dia foi que o Jair da solenidade foi Jair Mendes, artista plástico de Parintins, outro agraciado, que na ocasião ficou cercado de pessoas, enquanto poucos cumprimentavam Bolsonaro.

Leia mais

José Ricardo pede da Comissão de Direitos Humanos da Aleam e da OAB cancelamento da homenagem ao deputado federal Jair Bolsonaro.

 

Foto: BNC AMAZONAS