Após a semana em que seu líder, deputado estadual Carlinhos Bessa (PV), quase foi “engolido” pelos ataques da oposição por conta do caos na saúde do estado, o governador Wilson Lima (PSC) anunciou, nesta segunda-feira, dia 11, reforço na sua base na Assembleia Legislativa do Estado (ALE-AM).

 

Combativa e experiente

Trata-se dos parlamentares Joana D’Arc e Cabo Maciel, ambos do PR.

Wilson destacou o que pesou na escolha de seus vice-líderes: Joana é “combativa” e Maciel “experiente”, disse hoje, no evento da Sepror, em que entregou 60 implementos agrícolas e assinou contrato com o BNDES para cadastro ambiental rural.

 

Adivinha?

O trio de líderes já tem a primeira missão na ALE-AM: brecar os ataques ao governo por conta dos diversos problemas na saúde estadual.

 

Na plateia

Dos sete deputados estaduais presentes no evento da Sepror, apenas Dermilson Chagas (PP) não foi chamado para o palco onde estavam o governador, secretários, prefeitos e parlamentares.

Ele foi citado pelo governador durante a nominata, mas assistiu a tudo da plateia.

 

Transparência

Dermilson lidera o grupo dos independentes na ALE-AM. Nesta terça-feira, dia 12, ele sobe à tribuna para cobrar mais transparência dos atos do governo, em especial sobre os recursos do FTI (Fundo de Fomento ao Turismo, Infraestrutura, Serviços e Interiorização do Desenvolvimento do Amazonas).

 

Boechat

O governador Wilson Lima dedicou parte do seu discurso ao seu colega de profissão, jornalista Ricardo Boechat, da Rede Bandeirantes, que havia morrido momentos antes num acidente de helicóptero, em São Paulo.

“Uma perda irreparável. Um dos mais emblemáticos jornalistas desse país. Na condição de jornalista tinha que fazer esse registro. Quero externar meus sentimentos à família, aos colegas da imprensa e à Rede Bandeirantes, que neste momento está de luto”.

 

Foto: Israel Conte/BNC Amazonas