Temer e o “delay” das reações diante de tragédias

Tal como no episódio do massacre do Compaj, em Manaus, a reação do presidente da República à onda de violência no Espírito Santo, uma semana depois, foi criticada por ser tardia. Afinal, durante o período da falta de policiamento mais de 120 pessoas foram assassinadas e a violência explodiu, com a imprensa mostrando a todo […]

 

Temer e o “delay” das reações diante de tragédias
Encontrou algum erro? Entre em contato
TAGS
VEJA MAIS