O Brasil hoje: os bestializados pela República, o poder do atraso e a força do imobilismo

José Alcimar de Oliveira*   1 – No Brasil os grandes partidos abdicaram da ideia de projeto de País. Em suas agendas só há espaço para a cronologia do tempo eleitoral, pior, eleitoreiro. Operam como forças reativas guiadas pelo poder do atraso. Promovem um concerto fisiológico regressivo à audição e à razão. Segundo bem o […]

 

O Brasil hoje: os bestializados pela República, o poder do atraso e a força do imobilismo

Assine para receber em primeira mão

Encontrou algum erro? Entre em contato
TAGS
VEJA MAIS

 

Quer saber se está acometido do novo coronavírus? Faça seu diagnóstico on-line.