O candidato Wilson Lima (PSC), líder nas pesquisas para ser o novo governador do Amazonas, chegou por volta de 9h à escola estadual Santana, no bairro Aleixo, zona centro-sul de Manaus, para votar.

Estava acompanhado do candidato a vice, Carlos Alberto Filho (PRTB), e do que concorreu ao Senado na sua coligação, o deputado estadual Luiz Castro (Rede).

Ele levou uns 15 segundos para cravar os votos no governador e presidente da República. Naturalmente, deve ter cravado o número 20 a governador e possivelmente o 17 de Jair Bolsonaro (PSL) para o Planalto. Desde o primeiro turno Wilson já colava sua imagem à do candidato favorito a presidente.

Nas duas vezes que falou coletivamente com a imprensa, antes e depois do voto, Wilson disse que vai acompanhar Carlos Alberto e Luiz Castro às suas seções eleitorais para o voto.

Sobre Luiz Castro, não quis confirmar se ele já está escalado para assumir uma secretaria em seu eventual governo, assim como não considerou que já se sente eleito.

Wilson disse que passa o dia com a família e no final da tarde vai para o comitê do PSC para acompanhar a apuração.

 

Foto: BNC Amazonas