O vereador Marcelo Serafim (PSB) assume a Comissão de Saúde da Câmara Municipal de Manaus (CMM) e promete sacudir o setor de modo e influenciar na mudança de postura da administração estadual, de extinguir contratos com cooperativas e o estado adotar a meritocracia profissional por meio de concursos públicos.

Essa é a segunda vez que o vereador presidirá a comissão, considerada uma das mais importantes do parlamento municipal.

Marcelo falou sobre os grandes desafios à vista.

“Infelizmente o estado se encontra em uma grave crise na saúde, fruto de uma política equivocada ao longo de décadas que não priorizou o SUS em sua essência e optou pelo caminho equivocado da privatização da saúde”.

Segundo ele, o sistema de saúde precisa ser repensado. “É fundamental que o estado adote uma política semelhante à que o município de Manaus adotou ao longo dos últimos 15 anos, onde a meritocracia foi privilegiada através dos concursos públicos. Ou o estado faz concurso amplo para a saúde e subsistiu de imediatos algumas terceirizações ou jamais sairemos desse caos instalado. Não tem lógica terceirizarmos serviços de enfermagem, laboratório, radiologia entre outros quando temos uma farta oferta de mão de obra que se vê obrigada a trabalhar para empresários que terceirizam a saúde ao invés de prestarem seus serviços como funcionários públicos de carreira”.

Em relação a prefeitura, Marcelo se comprometeu em ser interlocutor das categorias na luta por melhores condições de trabalho e valorização profissional.

 

Valor profissional

“Sou servidor da Semsa e sei do valor de cada um dos nossos funcionários. Já faz tempo que eles são enganados com falsas promessas de vereadores que garantiam a reformulação do nosso PCCS (Plano de Cargos e Salários). Vamos sentar com a prefeitura e debater de forma transparente e madura os caminhos que podemos tomar. Uma das soluções é debater a atualização do PCCS de forma fracionada para que ao longo de 2, 3 ou 4 anos possamos ter nosso plano efetivamente reformulado. O importante é debatermos de forma verdadeira e transparente. Não adianta vender ilusões e dizer que fará coisas que não cabem no orçamento”.

O presidente da Câmara Municipal de Manaus (CMM), vereador Joelson Silva (PSDB), falou de sua expectativa com a eleição de Marcelo Serafim para a comissão de saúde: “Marcelo Serafim tem experiência e competência para realizar um grande trabalho na presidência da comissão de saúde da CMM”.

Ao todo, a Câmara possui 21 comissões técnicas, entre elas as de Constituição, Justiça e Redação; e de Finanças, Economia e Orçamento, por onde todos os projetos passam obrigatoriamente.

 

Foto: BNC Amazonas