Justiça declara nulidade de contrato entre Amazonas e Umanizzare

Assim sendo, a Umanizzare é multada em mais de R$ 10 milhões e fica proibida de contratar serviços públicos como consequência do massacre no Compaj, em 2017, e um pacote de falhas de gestão

 

Justiça declara nulidade de contrato entre Amazonas e Umanizzare
Encontrou algum erro? Entre em contato
TAGS
VEJA MAIS