O jornal O Globo fez uma pesquisa em sites brasileiros e do estrangeiro nos últimos dias para provar que as redes sociais hoje vendem de tudo para quem quer transformar uma publicação ou perfil irrelevantes em sucesso na internet. Dinheiro é sinônimo de curtidas e seguidores.

Com perfis criados no Twitter e Facebook apenas para a realização da pesquisa, O Globo mostrou que com apenas R$ 109,90 foi possível comprar 2 mil curtidas em um único post no Facebook.

Por um lote de 10 mil seguidores, o jornal gastou R$ 239,90 no Twitter.

Tudo feito em operação simples, usando cartão de crédito.

Esse é o mecanismo que sites/portais de notícias vêm usando para dar repercussão nas redes sociais a matérias sem tanta importância, mas que acabam alcançando um amplo número de pessoas na internet.

Restou comprovado que muitas das contas que curtiram a publicação no Facebook eram falsas, com algumas características: sem foto de perfil, sem amigos e com nomes como “Habbig Htl”, “Henr Mathias”. Foram enviadas mensagens para perfis escolhidos aleatoriamente, mas não houve respostas.

O Globo mostra também que é possível comprar no Instagram perfis já prontos e com muitos seguidores. Depois, basta trocar o nome e a foto para construir uma conta que já surge com uma base ampla. A reportagem identificou um perfil com 57 mil seguidores à venda por R$ 500.

Clique e leia o estudo completo em O Globo.

 

Foto: Reprodução/O Globo