O deputado estadual eleito Saullo Vianna (PPS) reagiu há pouco acerca de nota distribuída por seu colega de partido e primeiro suplente de sua chapa, coronel Amadeu Soares, de que ele foi eleito de forma ilícita.

Em texto enviado ao BNC Amazonas, o futuro deputado diz que o desespero está fazendo com que aqueles que querem tomar o seu mandato no tapetão saiam das sombras.

 

Leia o que Saullo Vianna escreveu

“Aos seus leitores (do BNC AMAZONAS) tenho a dizer que fui eleito deputado pela vontade de Deus e dos eleitores do Amazonas. 

Não cometi nenhum ato ilícito durante minha vida ou na campanha eleitoral.

Minha defesa está trabalhando junto à Justiça para resgatar a verdade e mostrar a minha inocência.

O desespero está fazendo com que aqueles que querem tomar meu mandato no tapetão saiam das sombras.

Todos conhecem os métodos sujos e truculentos desses que aí estão me atacando.

Mas acredito na Justiça do meu Estado. A verdade vai prevalecer.

Saullo Vianna”

 

Foto: Reprodução/Facebook