Clima de indefinição sobre conteúdo antecede a subida do senador Omar Aziz (PSD) à tribuna do Senado, nesta terça-feira, dia 13, na volta dele à Casa, após o recesso.

Ele tem demostrado que vai falar sobre as operações que prenderam sua esposa, Nejmi Aziz, e seus três irmãos.

Mas está aconselhado a medir as palavras, sob o argumento de correr o risco de transformar a pauta regional numa repercussão nacional e por ainda ser, para eles, estranha a investigação.

 

Foto: Marcos Oliveira/Agência Senado