Esse foi o subtítulo usado pela coluna “Radar On-line”, da Veja deste final de semana, para dizer que a senadora comunista Vanessa Grazziotin, do PCdoB do Amazonas, recebeu R$ 1,5 milhão da empreiteira Odebrecht.

O detalhe novo na informação da coluna é que a senadora pegou esse dinheiro na “boca do caixa”, negociado diretamente com a Odebrecht.

Nas planilhas apreendidas no “departamento de propina” da construtora pela operação Lava Jato, Vanessa aparece como tendo sido beneficiada com R$ 2,5 milhões, parcelados.

Leia a nota da coluna da Veja.

 

Foto: Reprodução/Veja