O vereador Cícero Custódio da Silva, o Sassá da Construção (PT), desmaiou durante pronunciamento que fazia na manhã desta segunda-feira, dia 12, na tribuna da Câmara Municipal de Manaus (CMM).

Ele havia acabado dizer que apoiava a ideia do presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL) sobre o fim do Ministério do Trabalho, que, para ele, não cumpre seu papel de fiscalizar as condições de trabalho no país.

A sessão foi suspensa imediatamente e ele foi levado para a clínica médica do parlamento municipal.

Sua assessoria informou que ele sofreu um pico de pressão e que estava sendo levado para o hospital.

Sassá dizia que estava revoltado, mas não concluiu o pensamento. VEJA O MOMENTO:

Foto: Reprodução/TV Câmara