Circula nas redes sociais uma convocação geral de trabalhadores do setor de educação e da população para protestar contra o prefeito de Iranduba, Francisco Gomes, o Chico Doido (DEM), e reivindicar o cumprimento de direitos.

O principal deles é pelo prefeito não ter pagado o salário de dezembro de parte dos trabalhadores e o 13º salário de todos os professores contratados temporariamente, que seriam cerca de 200.

Professores efetivos da educação infantil também não teriam recebido o 13º salário.

Segundo um morador da cidade, funcionário da prefeitura, o ato público vai cobrar também o pagamento férias atrasadas desde 2016.

Neste momento, o prefeito Francisco Gomes (DEM), o Chico Doido, responde a um processo de cassação na Câmara dos Vereadores de Iranduba.

 

Leia mais

Vereadores decidem investigar denúncia que pode cassar Chico Doido

 

Foto: Reprodução/Facebook