Por Neuton Corrêa, da Redação

 

A promotora de Justiça Leda Mara Albuquerque será a segunda mulher a chefiar o Ministério Público do Amazonas (MP-AM).

Mais votada entre os colegas, em pleito realizado ontem, o nome dela foi confirmado hoje, terça-feira, dia 11, pelo governador Amazonino Mendes (PDT).

A nomeação dela como nova titular da Procuradoria Geral de Justiça do Estado (PGJ) já está publicada no Diário Oficial do Estado (DOE).

Leda Mara toma posse no dia 14 de outubro. E compete à procuradora nomear os titulares da subprocuradoria-geral e procurador jurídico. Em nova eleição, em fevereiro de 2019, serão escolhidos os nomes para corregedor e membros do Conselho Superior do MP-AM.

A primeira mulher a comandar o órgão foi a hoje desembargadora do TJ-AM Socorro Guedes Moura, no biênio 2003 e 2004.

Leda Mara era a número 2 do MP-AM e chegou à eleição com o apoio do atual procurador-geral de Justiça, Fábio Monteiro, que estava no cargo, reeleito, há quatro anos.

Leda venceu não apenas a disputa interna, mas o lobby externo que chegou ao Executivo, segundo fontes do BNC AMAZONAS Ministério Público do Amazonas.

 

Foto: BNC Amazonas