O procurador de Justiça José Roque assumiu posição de favorito para substituir o promotor Fábio Monteiro no comando do Ministério Público do Amazonas (MP-AM).

A informação circula agora de manhã, nos corredores da Procuradoria Geral de Justiça, menos de 24 horas depois dele ficar em segundo lugar na eleição interna do órgão, realizada ontem.

José Roque, com 89 votos, ficou atrás da promotora Leda Mara, a mais votada, com 123 votos.

Segundo os bastidores da corrida, ele teria caído nas graças do governador Amazonino Mendes (PDT), a quem cabe a palavra final sobre a escolha do novo PGJ, depois que um magistrado graduado ter feito lobby junto ao governo.