O ministro da Economia, Paulo Guedes tentou mas não conseguiu entregar a presidência do Conselho Administrativo da Suframa (CAS) a um auxiliar. O cargo é de nível ministerial. A nota que tem como título “Ossos do Ofício 2” está publicada na coluna Painel, da Folha de S. Paulo, desta segunda-feira, dia 22.

O CAS é responsável por avaliar projetos de empresas candidatas a receber os incentivos fiscais da Zona Franca de Manaus (ZFM), algo a que o ministro é totalmente avesso.

 

Leia mais 

Paulo Guedes tem “meta concreta” para tirar incentivos da ZFM

 

Guedes não esconde sua insatisfação com o modelo econômico. Em abril, criticou a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) que reconheceu créditos de IPI dos insumos produzidos pela ZFM.

Em entrevista à Globo News, afirmou que nada o impede de mexer na questão tributária da ZFM.

Antes, em reunião com a bancada federal do Amazonas, o ministro chamou  os concentrados feitos no Polo Industrial de Manaus de “xaropezinho”.

 

 

Foto: PR