Bolsonaro veta prazo curto à Anvisa para liberar uso emergencial de vacinas

Dispositivo havia sido introduzido pelo Congresso em medida provisória sancionada pelo presidente

 

Bolsonaro veta prazo curto à Anvisa para liberar uso emergencial de vacinas

Assine para receber em primeira mão

Encontrou algum erro? Entre em contato
TAGS
VEJA MAIS