O superintendente-adjunto de Planejamento e Desenvolvimento Regional da Superintendência da Zona Franca de Manaus (Suframa), Marcelo Pereira, participa nesta semana de comitiva brasileira em intercâmbio empresarial no Japão.

Em reunião com o vice-ministro parlamentar do Ministério dos Negócios Estrangeiros do Japão, Kiyoto Tsuji, e com o vice-primeiro-ministro e ministro das Finanças do Japão, Taro Aso, Pereira destacou as vantagens de investimento no polo industrial do Amazonas.

“Temos no polo industrial 23 empresas japonesas investidoras no maior projeto de desenvolvimento brasileiro, o modelo ZFM, que dura 52 anos e está prorrogado pela Constituição federal até o ano de 2073”, afirmou Pereira.

Às autoridades japonesas, o superintendente entregou uma cartilha sobre os incentivos fiscais concedidos para as empresas na região de abrangência da ZFM.

Pereira acompanhou hoje, dia 12, a visita da comitiva ao congresso nacional japonês, à embaixada brasileira, às fábricas da Nintendo e Panasonic e à Universidade de Tóquio.

As cidades de Nagoya e Kyoto estão na programação desta quarta.

O executivo, funcionário de carreira da Suframa, viajou a convite do governo japonês como parte do programa “Juntos!! Intercâmbio Japão, América Latina e Caribe”.

 

Leia mais

Evento em Manaus reúne cientistas da América, Ásia e Europa

 

Da comitiva participam políticos, professores universitários e representantes de órgãos públicos e entidades de classe.

Promover o intercâmbio entre o Japão e várias nações da Ásia, América do Norte, Europa, América Latina e países do Caribe, bem como dar aos participantes um maior entendimento da economia, sociedade, história, cultura, política e relações diplomáticas do Japão, são objetivos do programa criado em 2016 pelo governo asiático.

 

Foto: Divulgação/Suframa