O titular da Suframa, coronel Menezes, está dando longa margem para erro, prevendo a primeira reunião do Conselho Administrativo da Suframa (CAS). Tem dito a interlocutores que, se não for Bolsonaro, será Guedes, ministro da Economia, que presidirá a primeira reunião do ano do colegiado.

 

Inimigo ao lado

A aposta é alta, porque Bolsonaro não tem agenda positiva para o Estado e Paulo Guedes é visto por investidores e a bancada do Amazonas como inimigo da Zona Franca de Manaus (ZFM).

 

Leia mais 

Primeira reunião do ano do CAS é adiada, de novo

 

 

Foto: BNC