O ex-deputado federal Francisco Praciano (PT) reagiu à entrevista que a presidente nacional de seu partido, senadora Gleisi Hoffmann, concedeu nesta quarta-feira, dia 8, aos jornalistas Ronaldo Tiradentes e Neuton Corrêa, no programa “Manhã de Notícias”, da Rede Tiradentes e participação do BNC Amazonas. Ele acusa falta de verdade nas declarações.

A líder petista disse que o ex-parlamentar sabia, desde o começo, que a senadora Vanessa Grazziotin (PCdoB) era a opção do PT do Amazonas ao cargo.

“Não vou dizer que é mentira, mas a presidente do meu partido faltou com a verdade”, afirmou Praciano.

 

Leia mais

Petistas apresentam vídeo para desmentir Vanessa

 

Ao BNC Amazonas, Praciano contou que se encontrou pessoalmente com Gleisi há quatro meses e que a dirigente nacional nunca falou da prioridade do PT em apoiar a candidatura da comunista.

Praciano trabalhava sua pré-candidatura a senador desde o início do ano, teve o nome confirmado ao cargo no encontro de estratégia do partido no dia 1º de agosto, mas no dia 5, domingo, a convenção estadual da legenda o excluiu da chapa que marchará com a candidatura de David Almeida (PSB) ao Governo do Estado.

Agora, a presidente assume publicamente a posição da direção nacional no PT, que Praciano diz tratar-se de um acordo pessoal entre Vanessa e os senadores petistas Gleisi Hoffman e Lindbergh Farias (RJ).

“Me vetaram e agora vem o coice, com essa falta de verdade”, declarou Praciano.

 

Leia mais

Presidente do PT diz: ‘Praciano sabia há tempo que não seria candidato’

Despedida

Ainda na entrevista a Tiradentes e Neuton, o ex-deputado Francisco Praciano anunciou sua aposentadoria da política.

Disse que vai morar no interior do Ceará porque não tem condições financeiras de reconstruir sua vida em Manaus.

“Quero aproveitar esse momento para me despedir dos meus amigos, dos inimigos e dos meus adversários. A ficha caiu”, disse ele ao encerrar a fala na emissora.

 

Leia mais

Embate acirrado entre petistas e comunistas por Praciano e Vanessa

 

Foto: BNC Amazonas