A advogada Giselle Falcone Pascarelli, ex-mulher do ex-presidente do Tribunal de Justiça do Amazonas (TJ-AM) e atual diretor da Escola Superior de Magistratura, Flávio Pascarelli, está na final do processo de substituição do desembargador eleitoral Bartolomeu de Azevedo Júnior, na cota dos advogados, na composição do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-AM).

No meio político, magistrados e advogados da área apostam que Giselle Pascarelli é favorita à nomeação, disputando com Francisco Maciel, que já foi do TRE-AM, e Natividade Sena.

A lista com os três nomes da qual sairá o escolhido, ou escolhida, das mãos do presidente da República, foi homologada ontem pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

O mandato de Bartolomeu Júnior se encerra no dia 12.

 

Leia o que o BNC já publicou sobre o assunto:

> Barroso rejeita escolhido do TJ e manda refazer lista tríplice do TRE

> TSE diz que advogados indicados ao TRE não preenchem requisitos

> TJ-AM anula lista tríplice para vaga do TRE-AM

> Ex-mulher e filho de desembargador são polêmica da eleição ao TRE-AM

> Sete advogados disputam uma vaga de juiz na corte do TRE-AM

 

Foto: Reprodução/Facebook