Arthur vê tragédia no Educandos e anuncia decreto de calamidade

Acompanhando o trabalho da força-tarefa que montou para ajudar no socorro às vítimas do incêndio que devastou cerca de 600 casas na chamada favela do Bodozal, no Educandos, zona sul de Manaus, o prefeito Arthur Neto (PSDB) anunciou que hoje, dia 18, vai assinar decreto de calamidade pública por conta da tragédia. “Irei assinar um […]